Olá!

Vou falar um pouquinho das promoções nas redes sociais, especialmente no Facebook e no Twitter, onde, hoje em dia, as empresas fazem um grande marketing de seus produtos e uma das formas de divulgar muito a marca/loja/empresa é através de sorteios.

No Twitter, geralmente pede-se que os clientes ou simpatizantes da marca/loja/empresa “sigam” a mesma e “tweeten ou retweeten” uma frase, geralmente com um link contabilizável para concorrer.

No Facebook, pede-se para “compartilhar” uma imagem da marca/loja/empresa ou participar em uma plataforma de sorteios existente na mesma, claro, você tem que “curtir” ou “adicionar como amigo” o “promotor” do sorteio.

Além dos concursos culturais de “melhor frase”, “melhor foto”, “melhor desenho” e por fim, os de votação.

Os de votação se tornam um problema enorme, geralmente a marca/loja/empresa pede que os participantes enviem fotos ou frases e elas seguem para votação pública, onde quem conseguir mais votos é o vencedor, mas…

Bom, foi-se o tempo em que participar de um Concurso Cultural de Votação era até diversão, você conhecia várias pessoas no “mundo virtual” e como se estivesse participando de uma maratona, fazia amigos, “trabalhava”, compartilhava e sim, ganhava prêmios. Surgiram os “espertos” (como em todo lugar) e com eles os chamados “fakes”.

Fakes são perfis falsos, criados com o intuito de participar da mesma promoção com vários “nomes diferentes” ou então, de conseguir muitos votos sem nenhum esforço (e merecimento) e essa “onda” de oportunistas simplesmente destruiu o “mundo das promoções” nestas redes sociais.

Hoje é difícil um cliente de verdade vencer uma promoção, algumas marcas/lojas/empresas têm o cuidado de verificar o perfil ganhador ou exigir que o mesmo apresente CPF compatível com o nome mas na maioria, os mesmos oportunistas (para não dizer safados) estão levando todas.

Acredite, tem gente abrindo “lojas caseiras” com produtos ganhos em promoções.

E o que fazer? É difícil fazer algo, os participantes não tem como provar que determinado perfil é falso mesmo que esteja nítido (para quem conhece um pouco) só a marca/loja/empresa tem o “poder” de desclassificar o concorrente e como eu  disse antes, algumas o fazem, a maioria não.

Até criei uma comunidade no Facebook com o nome de RPC – Recuperados das Promoções de Curtir – onde as pessoas podem desabafar sobre suas decepções e partilhar suas alegrias sobre promoções em que participam ou participaram. Se você também quiser fazer parte e compartilhar, seja bem vindo.

Já participei de milhares de promoções, isso mesmo, “milhares”. Ganhei, perdi, mas acho que valeu a pena, mesmo quando a derrota foi para um “fake” e o sangue subiu, foi através das promoções que conheci muitas marcas, empresas e produtos e sim, virei cliente de uma grande parte.

Por isso, quem quiser “entrar” neste mundo, venha e participe, não crie grandes expectativas e aceite o que vier como grandes presentes (são presentes mesmo). Se você é do bem, tem uma cara (perfil) só, merece aproveitar estas oportunidades.

Ah! Mas como estamos falando em promoções, estou participando de uma promovida pela Associação Protetora de Animais da cidade vizinha e seu voto para mim é essencial (já que é super difícil conseguir votos “verdadeiros”). Como tenho 5 cachorros (três adotados das ruas) toda ajuda é bem vinda, quem tem animais sabe que para proporcionar uma vida confortável aos bichinhos, é preciso além de carinho, muita $dedicação$.

É só clicar ao lado da foto uma única vez em “curtir” e pronto, você me ajudou muito e agradeço por isso.

Até a próxima promoção. Quem sabe você não venha me contar sobre algo que você ganhou?

Anúncios